Global Pack - World Wide Supplier

Excelência em embalagens

A Globalpack, conta com mais de 38 anos  de  eficiência  e  qualidade  na produção de embalagens plásticas para diversos setores. Uma estrutura que abrange quatro unidades industriais e mais de 1400 colaboradores, além de um maquinário moderno, que possibilita alta capacidade de produção e diversidade de produtos. A Globalpack atende setores como cosmético, farmacêutico, higiene pessoal, limpeza, defensivos agrícolas e automomotivos, além de produzir embalagens para diversos produtos do mercado alimentício.


Leia Mais

Clientes

Uma carteira composta de empresas de portes diversos é o melhor retrato da competência da Globalpack em atender desde a pequena indústria até as grandes multinacionais, num reconhecimento da qualidade que só um líder de mercado pode conquistar e manter.


Leia Mais

Produtos

A Globalpack é responsável pela produção de frascos, bisnagas, componentes injetados e esferas para roll-on. Utilizando as mais modernas tecnologias.


Leia Mais

Sustentabilidade

Consciente da necessidade da utilização responsável e da conservação de recursos naturais, a Globalpack considera tão importante quanto obter o sucesso de suas operações e a satisfação dos seus clientes garantir o desenvolvimento sustentável.


Leia Mais

Comunicação

Globalpack excelência em embalagens para sua empresa


Leia Mais

Notícias

  • 13/03/2013

    Unilever investe R$ 500 milhões em marketing

    A disputa pelo terceiro maior mercado mundial de produtos para cabelos está aquecida. A fabricante Unilever anuncia hoje um investimento equivalente ao do ano passado de R$ 500 milhões.

  • 13/03/2013

    Grupo Boticário investe R$ 650 milhões em ampliação

    O Grupo Boticário anunciou um investimento de R$ 650 milhões na construção de uma fábrica em Camaçari, na Bahia, e de um Centro de Distribuição em Feira de Santana

  • 13/03/2013

    Produção de embalagens deve crescer 2% em 2013

    A produção da indústria de embalagens deve crescer 2% na comparação com 2012. A projeção é de estudo elaborado pela Fundação Getúlio Vargas (FGV).